Jesus Cristo Joseval Oliveira

Os Saduceus testam Jesus quanto a ressurreição

Jesus veio logo cedo de Betânia para Jerusalém onde tinha pernoitado, para ensinar no templo e pelo caminho onde passava multidões lhe acompanhavam buscando curas de todas as espécies. Ao chegar no templo cercaram ele os principais sacerdotes, os fariseus e anciãos do povo para o questionarem sobre diversas coisas, para pegar-lhe num deslize sobre as Escrituras. O templo estava cheio de gente e Jesus continuou a ensinar; a falar por parábolas e aproximando-se dele os saduceus, (Membros da família dos sumo sacerdotes no tempo de Jesus, e aceitavam como canônicos apenas os livros do Pentateuco, os cinco livros de Moisés. Também negavam a ressurreição como base no fato de que ela não era ensinada no Pentateuco. O nome do grupo provavelmente procedia de Zadoque, o sumo sacerdote de Davi) o questionaram sobre uma lei do levirato ou do parente resgatador, que ordenava no caso de morte prematura, que fossem tomadas providências para perpetuar a linhagem familiar por meio do parente mais próximo. Perguntaram-lhe: Um irmão casado morreu sem deixar filhos, a mulher ficou para o segundo irmão que também não deixou filhos; e assim sucedeu com o terceiro, o quarto até o sétimo irmão; no final a mulher morreu. Quando chegar o tempo da ressurreição de qual deles é esposa? Aí Jesus lhes respondeu: Vocês erram por não conhecerem as Escrituras nem o poder de Deus. Porque na ressurreição serão como os anjos no céu, nem se casam, nem se dão em casamento e quanto a ressurreição não leram o que Deus deixou dito: Eu sou o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó? Ele não é Deus de mortos e sim de vivos. Ao ouvirem isso as multidões que estavam no templo ficaram maravilhadas com a sua doutrina. Mas os opositores fariseus não se conformavam, sempre procuravam algo para o incriminar de blasfêmia. Eis que assim diz a palavra do Senhor. Naquele dia, aproximaram-se dele alguns saduceus, que dizem não haver ressurreição, e lhe perguntaram: Mestre, Moisés disse: Se alguém morrer, não tendo filhos, seu irmão casará com a viúva e suscitará descendência ao falecido. Ora, havia entre nós sete irmãos. O primeiro, tendo casado, morreu e, não tendo descendência, deixou sua mulher a seu irmão; o mesmo sucedeu com o segundo, com o terceiro, até ao sétimo; depois de todos eles, morreu também a mulher. Portanto, na ressurreição, de qual dos sete será ela esposa? Porque todos a desposaram. Respondeu-lhes Jesus: Errais, não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus. Porque, na ressurreição, nem casam, nem se dão em casamento; são, porém, como os anjos no céu. E, quanto à ressurreição dos mortos, não tendes lido o que Deus vos declarou: Eu sou o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó? Ele não é Deus de mortos, e sim de vivos. Ouvindo isto, as multidões se maravilhavam da sua doutrina. Mateus 22:23-33

Fonte: Bíblia Sagrada

Imagem extraída da internet sem fins de propriedade particular

Sobre o autor | Website

Saiba mais sobre o autor

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.