Jesus Cristo Joseval Oliveira

Coberto e protegido

Cobrir-te-á com as suas penas, e, sob suas asas, estarás seguro; a sua
verdade é pavês e escudo. (Salmos 91.4)
Esta é uma símile deveras condescendente! Assim
como a galinha protege seus pintinhos e permite que eles se
aninhem debaixo de suas asas, assim também o Senhor
defende seu povo e permite que eles se escondam nEle. Não
temos visto os pequenos filhotes espiando sob a proteção das
penas de sua mãe? Não temos escutado seu frágil piado de
contentamento? Deste modo, refugiemo-nos em nosso Deus e
sintamos paz transbordante em saber que Ele está nos
guardando.
Enquanto o Senhor nos cobre, nós cremos; e seria
estranho se não crêssemos nisso. Como não podemos crer, se
o próprio Jeová se torna refúgio, proteção e descanso para
nós?
Quando isto se realiza, saímos para a guerra em nome
dEle e gozamos do mesmo cuidado protetor. Nós precisamos
de pavês e escudo; e, quando confiamos implicitamente em
Deus, assim como o pintinho confia na galinha, encontramos
a verdade divina nos armando da cabeça aos pés. O Senhor
não pode mentir; Ele tem de ser fiel ao seu povo; e sua
promessa tem de permanecer firme. Essa verdade é todo o
escudo que necessitamos; por trás dele resistimos os dardos
inflamados do inimigo.
Ó minha alma, esconde-te sob essas asas poderosas,
refugia-te entre essas penas macias! Quão feliz tu és!
Charles Spurgeon (1834-1892) – Pastor Batista
Imagem extraída da internet sem fins de propriedade particular

Sobre o autor | Website

Saiba mais sobre o autor

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.